Quem sou eu Artigos Fotos com o deputado Deu na Imprensa Notícias Fale com o Junji Fale com o Junji
   
   
   
 
E-mail:
 
 
 

Igaratá

  Saúde terá R$ 200 mil
Prefeito Celso Palau agradece Junji que incluiu Igaratá entre as contempladas com recursos federais, acolhendo pedido do secretário Mestre Benjamim, levado pelo vice-prefeito mogiano Juliano Abe
01/08/2018 Enviar por e-mail Versão para Impressão acessos
102
Ladeado pelo prefeito e Mestre Benjamim (à dir.), autor do pedido, Junji recebe manifesto gratidão na Prefeitura
 
O governo federal destinará R$ 200 mil para Igaratá, no Vale do Paraíba, investir na rede municipal de saúde. A indicação dos recursos extraorçamentários, em prol do Município, resulta do trabalho do deputado federal Junji Abe (MDB-SP), desenvolvido a pedido do secretário municipal de Esporte, Turismo e Lazer, Benjamim de Lima, o Mestre Benjamim. Eles levaram a boa notícia ao prefeito Celso Palau (PSDB), nesta quarta-feira (01/08/2018).

“Estou imensamente grato pelo seu esforço para ajudar nossa Cidade! Especialmente, porque assumiu o segundo mandato na Câmara Federal há pouquíssimo tempo e deu atenção imediata”, manifestou-se o prefeito. “Receba toda gratidão por atender nosso apelo para um setor fundamental como a saúde, tão carente de melhorias”, completou Mestre Benjamim que foi eleito vereador em 2016, mas aceitou o convite para comandar a área esportiva e de turismo na Prefeitura.

O aporte financeiro será possível por meio de programas do Ministério da Saúde. Para beneficiar Igaratá, Junji acolheu o pedido Mestre Benjamim, levado pelo vice-prefeito de Mogi das Cruzes, Juliano Abe, filho do deputado que auxilia o pai na coordenação do MDB no Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral Norte.

A Prefeitura de Igaratá definirá de que forma os recursos serão investidos nas unidades de saúde, podendo realizar adequações ou aquisição de equipamentos. O Ministério da Saúde deverá liberar o dinheiro por meio de repasse efetuado diretamente do Fundo Nacional de Saúde ao Fundo Municipal de Saúde.

Junji explicou que a proposta de Igaratá deverá ser formalizada no portal do Ministério da Saúde, tão logo o Fundo Nacional de Saúde disponibilize o cadastramento. “Nossa equipe dará toda assistência, mas é fundamental que alguém da Prefeitura monitore o processo”, esclareceu o deputado.

Mestre Benjamim evidenciou a agilidade do deputado na busca dos recursos federais, considerando que ele passou a exercer o cargo, na atual legislatura, em 21 de fevereiro último. “Junji é um grande aliado de Igaratá em Brasília. Essa verba que conseguiu é mais um benefício de tantos que ele já trouxe a nossa Cidade, durante seu primeiro mandato na Câmara Federal (fev/2011 a jan/2015)”.

O deputado ressaltou que continuará se desdobrando para beneficiar Igaratá e reforçou que está à disposição para receber das lideranças igaratenses a indicação de áreas prioritárias a serem contempladas com emendas parlamentares dele ao Orçamento da União de 2019. A apresentação ocorre no final de 2018, valendo para a receita orçamentária federal do ano seguinte. “Fico muito feliz! Igaratá precisa de representantes assim, que se preocupem com a Cidade e atendam nossas necessidades”, pronunciou-se o prefeito.

Atingindo todo o País, a crise financeira afeta as prefeituras de uma maneira voraz, como pontuou Junji, acrescentando que vêm para os municípios menos de 15% do bolo tributário angariado no Brasil. Todas as cidades amargam condições de fragilidade nos cofres públicos e, segundo ele, enfrentam problemas até para manter serviços básicos à população.

Também participaram da reunião com Junji a chefe de Gabinete Ana Scheiffer; o secretário da Educação, Mauro Teixeira; o procurador jurídico Diego Levi; o coordenador da Defesa Civil, Jamil Dias; e os assessores Silvio Jorge Alves da Silva (Desenvolvimento), Gabriel Priant (Comunicação) e Alexandre Priant (Gabinete).

Movimentação
A movimentação de Junji em busca de repasses federais para as cidades, de onde recebeu pedido de ajuda, vindo de lideranças políticas e comunitárias, visa evitar que tenham de esperar pela liberação das verbas a serem previstas, como emendas parlamentares, no OGU – Orçamento Geral da União de 2019.

Como deputado, Junji apresentará as propostas, no final do ano. Porém, assinalou, “a situação exige esforços redobrados para garantir os repasses o mais breve possível”. O deputado assumiu o segundo mandato na Casa após o fechamento do Orçamento da União e não pôde inserir previsão de remessas orçamentárias para os municípios neste ano.
Mais informações:

Mel Tominaga
Jornalista – MTB 21.286
Tels: (11) 99266-7924 e (11) 4721-2001
E-mail: mel.tominaga@junjiabe.com
Enviar por e-mail Versão para Impressão   Ler mais notícias
 

   



     
   
  Junji anuncia destinação de R$ 200 mil para saúde de Igaratá  
         
 
Equipe do prefeito recebe de Junji orientação para indicar áreas prioritárias da Cidade, a serem beneficiadas com emendas dele
 
         
     
 
 
JUNJI ABE  |  NOTÍCIAS  |  ARTIGOS  |  IMPRENSA  |  GALERIA  |  Todos os direitos reservados © Junji Abe 2011  | Login


Brasília: Câmara dos Deputados, Anexo IV - Gab 512 - CEP 70160-900 - Brasília⁄DF | Telefone: (61) 3215-5512 | E-mail: dep.junjiabe@camara.leg.br
Av. Fausta Duarte de Araújo, nº 153- CEP: 08730-130 - Jd. Santista- Mogi das Cruzes - SP   |   Telefone: (11) 4721-2001   |   E-mail: contato@junjiabe.com