Quem sou eu Artigos Fotos com o deputado Deu na Imprensa Notícias Fale com o Junji Fale com o Junji
   
   
   
 
E-mail:
 
 
 

Mogi das Cruzes

  Verba para Festa do Divino
Em reunião do Condemat, Junji leva bispo para pedir interferência do secretário-chefe da Casa Civil, Edson Aparecido, em favor da liberação dos recursos
10/04/2015 Enviar por e-mail Versão para Impressão acessos
1458
Intermediado por Bertaiolli, encontro de secretário com Junji e bispo tem resultado esperado: garantia de ajuda a evento
 
O deputado federal suplente Junji Abe (PSD-SP) levou o bispo diocesano dom Pedro Luiz Stringhini para a reunião do Condemat – Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê, realizada nesta sexta-feira (10/04/2015), em Guararema. A expectativa era conquistar o apoio do secretário-chefe da Casa Civil do Estado de São Paulo, Edson Aparecido, em favor da liberação de R$ 200 mil do governo paulista para a edição deste ano da Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes.

Deu certo. Sensível ao grande evento religioso, o secretário garantiu que a Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes terá, “em tempo hábil”, o auxílio financeiro advindo de emenda parlamentar de Junji. Ele disse que, ao retornar ao Palácio dos Bandeirantes, lembrará o governador Geraldo Alckmin (PSDB) do compromisso assumido.

Os recursos para a festa foram solicitados por Junji, no final do ano passado, enquanto exercia seu mandato de deputado federal. Para a edição 2015 do evento, a emenda parlamentar de R$ 200 mil está legalmente registrada e cadastrada junto ao governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo, como rememorou o bispo que havia destacado o assunto em conversa com o governador, quando Alckmin esteve em Mogi das Cruzes.

Durante encontro com Aparecido, Junji entregou-lhe cópias dos ofícios da Diocese e da Câmara Municipal – numa iniciativa encabeçada pelo vereador Juliano Abe (PSD) –, capeados por documento do então deputado, que tratam da necessidade da contribuição para a Festa do Divino. Todos foram protocolados pelo governo paulista em novembro de 2014.

O então parlamentar já havia conseguido beneficiar o evento com verbas estaduais, decorrentes de suas emendas, por três anos consecutivos, em 2012, 2013 e 2014. “Como não estou deputado, a emenda que prevê o repasse para a Festa do Divino poderia ficar prejudicada. Então, resolvemos tomar mais essa iniciativa. Desta vez, sensibilizando o secretário num contato direto com o bispo para que interferisse junto ao governador”, explicou Junji que, antes, havia conversado com o prefeito Marco Bertaiolli (PSD), de Mogi das Cruzes, para sugerir a intervenção durante a reunião do Condemat.

Como presidente do Condemat, Bertaiolli concordou com a ideia. Assim que terminou a reunião com os prefeitos, o mogiano articulou o encontro do secretário com o bispo e com Junji, além de fortalecer o apelo para que Aparecido encampasse a causa. Parte do Calendário Oficial Turístico do Estado e de Mogi das Cruzes, a Festa do Divino Espírito Santo “mantém vivas tradições nascidas há 400 anos”, pontuou o chefe do Executivo mogiano.

Ao longo de quase duas semanas, assinalou Junji, a vasta programação une cultura e religiosidade, atraindo visitantes dos mais diversos pontos do País e até do exterior. São alvoradas, novenas, missas, a tradicional Entrada dos Palmitos e a procissão que percorre as ruas bordadas com flores e cereais, entre outras celebrações. O público do evento supera 400 mil pessoas.

“Reforçamos o apelo para o governo do Estado ajudar na realização de um dos maiores festejos do País, de profundo significado religioso e cultural, com maciça adesão popular”, afirmou Junji ao secretário. “A destinação de recursos é importante para cobrir parte dos custos com a infraestrutura do evento, realizado sem fins lucrativos, que depende de patrocínio e de contribuições da sociedade”.

Junji acrescentou que a ajuda financeira dada ao evento amplia as possibilidades de captação de mais recursos financeiros para entidades filantrópicas. Muitas atuam no comando de barracas de doces e salgados na quermesse, ficando com o resultado das vendas.

Além de se comprometer com a liberação dos recursos para a Festa do Divino de Mogi das Cruzes, Edson Aparecido assumiu outra importante missão: agilizar o atendimento das reivindicações dos prefeitos vinculados ao Condemat, já elencadas e encaminhadas ao governador Geraldo Alckmin e respectivas secretarias. O secretário-chefe da Casa Civil também é coordenador das Regiões Metropolitanas do Estado de São Paulo.

Devoção
Devoto do Divino Espírito Santo, Junji Abe é considerado o responsável pela garantia de um lugar apropriado à parte festiva do evento. Já em seu primeiro de dois mandatos à frente da Prefeitura de Mogi das Cruzes (de 2001 a 2008), ele mudou o cenário para a festa, resgatando um imenso espaço que servia como “cemitério de carros” apreendidos por documentação irregular. Em 2002, o ex-prefeito dotou o local de infraestrutura e criou um polo de eventos, ao lado do CIP – Centro de Iniciação Profissional, que passou a ser cedido para a realização dos festejos.

Foi assim que a parte festiva da celebração deixou o tímido e precário espaço, ao lado do Ginásio Municipal de Esportes, que já não comportava os visitantes. O novo endereço possibilitou o uso das dependências do CIP para melhor acomodar os participantes que vão saborear o tradicional afogado, avalizando o prestígio cada vez maior da Festa do Divino no contexto nacional.

A reformulação, esclareceu o deputado suplente, “foi o nosso modo de dar o mínimo de retribuição”, sob a forma de conforto e segurança, aos integrantes da Associação Pró-Divino e aos devotos, demonstrando gratidão e colaborando para o desenvolvimento da festa. Junji evidenciou um dos pontos altos do evento, a Entrada dos Palmitos: “Integrar o cortejo purifica a alma. É como abraçar o Criador e se permitir a uma indescritível sensação de paz, que clareia a mente para entender e assimilar o profundo significado dos sete dons do Espírito Santo”. Ele também marca presença no evento, com sua bandeira do Divino.
Mais informações:

Mel Tominaga
Jornalista – MTB 21.286
Tels: (11) 99266-7924 e (11) 4721-2001
E-mail: mel.tominaga@junjiabe.com
Enviar por e-mail Versão para Impressão   Ler mais notícias
 

   



 
 
JUNJI ABE  |  NOTÍCIAS  |  ARTIGOS  |  IMPRENSA  |  GALERIA  |  Todos os direitos reservados © Junji Abe 2011  | Login


Av. Fausta Duarte de Araújo, nº 145- CEP: 08730-130 - Jd. Santista- Mogi das Cruzes- SP   |   Telefone: (11) 4721-2001   |   Email: contato@junjiabe.com