Quem sou eu Artigos Fotos com o deputado Deu na Imprensa Notícias Fale com o Junji Fale com o Junji
   
   
   
 
E-mail:
 
 
 
 
Educao inclusiva para combater preconceito
Sexta-feira, 29 de Janeiro de 2010 Enviar por e-mail Versão para Impressão acessos
1848
 
Se o ensino pblico j precrio de forma geral e em todos os nveis, o que dizer da qualidade do servio para alunos com necessidades educacionais especiais? Quase impossvel comentar, considerando que na maior parte do Pas isto, simplesmente, no existe.

Numa era em que se fala tanto de incluso social e com razo, dado o macio contingente de excludos , o atendimento adequado ao escolar com necessidades especiais torna-se tema obrigatrio na pauta do Poder Pblico. A negligncia na abordagem do problema tende a multiplicar a populao de excludos sociais, o que pode ser evitado se o aluno, desde criana, e sua famlia receberem ateno apropriada.

So comuns comentrios do tipo: Minha filha no presta ateno nas aulas, conversa demais e sempre vai mal na escola.... Ou ainda: Meu filho muito quieto e no faz amigos, mas o melhor aluno da classe. Comportamentos assim so normais ou podem sugerir a necessidade de tratamento diferenciado?

Para responder pergunta com o diagnstico correto e agir com eficincia, optamos por um levantamento minucioso em Mogi das Cruzes. Uma equipe multiprofissional entrevistou os pais e conversou com cada aluno que, segundo seus professores, apresentava alguma dificuldade de aprendizado ou comportamento irregular.

O processo de avaliao identificou cerca de 10 mil alunos com necessidade de atendimento diferenciado do Ensino Infantil ao Mdio matriculados nas escolas das redes estadual, municipal e particular. Conhecendo o pblico-alvo da educao inclusiva, implantamos um empreendimento-modelo para oferecer atividades complementares ao trabalho desenvolvido em sala de aula.

Alicerado na perfeita sinergia entre as equipes das redes municipais de educao e de sade, o Centro de Atendimento ao Portador de Necessidades Educacionais Especiais Ricardo Strazzi, o Pr-Escolar, materializa o conceito de assistncia integral aos alunos com problemas de aprendizado, hiperativos, superdotados, com deficincia fsica ou mental, ou ainda com desvios de conduta. Fundamental: um servio pblico.
Abro parnteses para falar sobre a escolha do nome do Centro: o saudoso Ricardo Strazzi presidiu, por dcadas, a Apae de Mogi, com absoluta maestria e devoo mpar de quem dedica a vida para vencer preconceitos e combater a discriminao.

Voltando ao Pr-Escolar, o prdio de trs pavimentos, com 1.488 metros quadrados construdos, dotado de salas de recursos para cada tipo de deficincia (auditiva, visual e mental), interveno precoce e altas habilidades. Tudo, associado iluminao e cores ajustadas para quem tem baixa viso, texturas, sinalizao em braile, fragrncias, sabores e at um jardim sensorial, acessvel a quem no dispe de um dos sentidos.

O apuro arquitetnico e a multiplicidade de recursos do respaldo aos especialistas. Da direo ao pessoal da limpeza, passando por educadores e profissionais de sade, so mais de 50 funcionrios. Pais e responsveis tambm recebem atendimento e orientao para cultivarem o bom relacionamento com seus filhos. As escolas tambm dispem de apoio especializado.

A rplica de uma casa resume a essncia do Centro: combater o preconceito e promover a incluso social. Mais do que ensinar a lidar com o fato de ser diferente, fazer com que a diferena nunca seja barreira para o aprendizado, o bem viver e a convivncia social.

No por menos, o Pr-Escolar considerado exemplar pela Fundao Vanzolini, instituio privada sem fins lucrativos criada, mantida e gerida pelos professores do Departamento de Engenharia de Produo da Escola Politcnica da USP.

O foco da educao inclusiva no massificar o ensino ignorando necessidades especficas. Ao contrrio, proporcionar atendimento eficaz s diferentes demandas dos estudantes. Incluir administrar diferenas. O que precisa ser definitivamente excludo o preconceito.
Enviar por e-mail Versão para Impressão   Ler mais artigos
 
   



     
 
11/04/2014
Ateno aos obesos
 
08/04/2010
Imprensa amordaada, fim da democracia
 
09/07/2010
De corpo e alma
 
 
 
 
JUNJI ABE  |  NOTÍCIAS  |  ARTIGOS  |  IMPRENSA  |  GALERIA  |  Todos os direitos reservados © Junji Abe 2011  | Login


Correspondência: Av. Fausta Duarte de Araújo, nº 145 - CEP: 08730-130 - Jd. Santista - Mogi das Cruzes - SP   |   Telefone: (11) 4721-2001   |   E-mail: contato@junjiabe.com